Assinatura de Sal

Letra e Música: Aline Frazão

soa no ar uma melodia
e já posso sentir na pele a maresia
deixa sua assinatura de sal
na cara, como uma pintura de cal
.
abrindo a janela, o frio a memória esqueceu
no momento em que o peito apertado escreveu
no vidro gelado a vapor
uma frase perdida de amor
.
eu juro
que posso ouvir daqui
a espuma da onda dengosa que enrola na areia antes de adormecer
juro que posso ouvir daqui
o som do gingado que faz a Kianda sereia no mar
até o amanhecer
até o amanhecer
até o amanhecer
.
mesmo aqui, estando o mar tão longe de mim
eu escrevo o meu nome assim
aqui conchas, búzios, gaivotas – não tem
barco atracado na areia – não tema
camarão dormindo na onda – não tem
ritual sagrado p’ros deuses – não tem
cruzeiro do sul
seis da tarde do sol no azul
.
só sei que no chão
ficou escrito como um sinal
na mão
bastou um punhado de sal
.

Voz e Guitarra: Aline Frazão | Flauta: César Herranz | Percussão: César Herranz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s